sexta-feira, agosto 11, 2006

DIA DOS PAIS...NADA A COMEMORAR !!!


Todos são unânimes em afirmar a volatilidade das notícias de nosso dia-a-dia, tamanho é o intercâmbio de informações sobre os fatos que acontecem mundo afora. Afinal, notícias amanhecidas perdem o natural interesse da mídia na venda de jornais e revistas.

Mas passando os olhos nos meus textos, percebo o quão atuais ainda são as questões relacionadas à Guerra no Líbano e à Crise de Segurança Pública que assola o país, especialmente São Paulo.

Dejà vù? Ou estamos mesmo patinando no tempo ?

Questões cíclicas – e bota cíclicas nisso – ambos os assuntos nos colocam frente à frente com um dos piores sentimentos que um ser humano pode ter: a impotência.

E (olhem que interessante) a impotência guarda estreita relação com o último texto do Jaime, logo abaixo, e foi responsável por jogar boa parte da Humanidade nesta miscelânia de religiões, cultos e seitas....verdadeira Babel onde tantos falam e tão poucos entendem.

Podem tentar me explicar à vontade, mas juro que não vou entender como uma sociedade como a nossa (brasileira), fica à mercê do crime organizado a ponto de não promover rupturas institucionais, por exemplo, com o cancelamento de indultos de Dia dos Pais, mesmo àqueles que supostamente teriam direito a eles.

A sociedade é colocada em prontidão: cuidado há um alto risco de que atentados violentos aconteçam no Dia do Pais...e mesmo assim libertam os possíveis agressores porque o “estado democrático” assegura esse direito a criminosos em regime semi-aberto, sejam eles do PCC, PQP, CV, etc. Mas não é exatamente esse estado democrático de direito que foi rompido anteriormente pelos próprios presos e demais membros dessa confraria do crime organizado ?

Isso nos coloca em pé de igualdade com os moradores do Reino Unido. “The Big One”, aquele atentado terrível que certamente virá....é somente questão de dias, na visão das autoridades, e lá ninguém se esforça para entender as causas para eventualmente participar da construção de um futuro alternativo.

Tratam a questão como um tsunami, um terremoto...não depende de nós evitá-los!

A Guerra no Líbano idem. A retórica de um acordo de cessar fogo é somente um tempo para que Israel promova os ataques que julgar necessários. Depois que os fizer....aí sim vão tratar seriamente o cessar fogo. Só que aí não será possível alterar nada do que já foi feito, com perda de vidas, com destruição de um país, e destruição do meio ambiente.

Impotência é justamente o sentimento contra o qual lutamos por aqui, nesse espaço que já recebeu mais de 5 mil visitas em tão pouco tempo. Mas vocês dirão: e o que é que podemos fazer para alterar o estado das coisas nesses eventos relacionados ao texto (como de resto em todos os outros, tão ou mais sérios que eles) ?

Ter consciência de que nós (Humanidade) criamos isso já é um bom começo....ter consciência de que nós (Humanidade) podemos mudar nosso destino já é um bom meio....e ter consciência de que essa mudança de paradigma é possível quando mais pessoas pensarem assim, já é um bom objetivo a alcançar, ao menos partindo desse humilde Blog.

Esse texto tem a proposta de somente fazer a nossa parte....de mostrar indignação, de propor reflexões...e de ecoar !

Daniel Bykoff, co-editor desse Blog, deseja um Feliz Dia dos Pais, livre de atentados de qualquer espécie, principalmente à Humanidade.

0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home